Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 3 de fevereiro de 2008

Engraçado como são as coisas...


Deus faz as coisas de forma muito peculiar... Cria o papagaio mais bonito do mundo e o coloca numa ilha ínfima, sujeita à tempestades e furacões, fora as instabilidades características de países tropicais, submetidos ao jugo internacional, onde sua sobrevivência é questão de um fio de navalha.
Aí chega um monte de gringos bem intencionados(no meio de um monte mal intencionado) e consegue pegar um simples casal para garantir a sobrevivência da espécie em um zoológico totalmente equipado para tal empreitada...
Às vezes eu penso que a função do homem no planeta é completar a obra divina, deixada assim intencionalmente, de forma que haja uma ligação homem - Deus mais intensa...


3 comentários:

edmundo disse...

Não tem nada de engraçado, é triste.
Deixe-me fazer uma pergunta. Existe alguma passagem na Biblia onde Lucifer, mata criancinhas, destroi cidades e faz outras barbareas? Eu não me lembro.

Ademar Couto disse...

Bem, não creio que haja nenhuma passagam na bíblia, mesmo pq ela relata apenas o grande amor de Deus ao homem e como Ele planejou resgatar o homem do pecado.
Vamos fazer a coisa cronologicamente fazer sentido:
1- Deus vê o diabo se rebelar e cria o inferno pra ele e seus anjos. 2-Deus cria o homem.
3-O diabo induz o primeiro homem ao pecado, a se rebelar contra Deus, o que ele o faz de livre vontade.a culpa não é do diabo. a culpa é do homem em decidir pecar. Porque não deveria arcar com a consequência?Agora o homem virou coitadinho?
4- Deus, sabedor de tudo o que se passaria, põe em ação o plano salvífico.
Bem, e quanto aos "assassinatos" cometidos por Deus, que vc comenta sub repticiamente, são ações desencadeadas para consertar erros humanos sem alterar a livre escolha do ser humano, por um Deus sabedor do futuro e todo poderoso, ou seja, como diz no filme "tropa de elite", alguém(só que, realmente com poder pra isso) tentando limpar a merda que a humanidade acarretou com sua queda.Males menores para impedir males maiores. Só um ser muito consciente e poderoso pode isso. Há diversas formas de se matar. O diabo usa as formas indiretas, muitas vezes. Às vezes não. Chato mas fato.
Deus não é culpado pelo homem ter decidido dizer NÃO a Ele. Ainda assim conserta os erros e os diminue até o limite da livre intenção e direito de escolha humana.
As regras do bar são : beba e pague depois. se eu entro no bar, bebo e, conscientemente decido não pagar, sofro as consequencias.
Simples assim.
Assim também funciona o Mundo Grande em que vivemos. mas sendo franco, estou mais interessado em demolir um negócio para implementar melhoras em outro.

edmundo disse...

Me lembro do filme "SETIMO SELO" o Cavalero templario cantarola "... Deus tão longe no céu e o diabo aqui do nosso lado..."
C´est la vie!!!